Para marcar a passagem do Dia Mundial de Combate à Tuberculose neste domingo (24.03), o Hospital Miguel Arraes (HMA) vem realizando atividades junto aos usuários da unidade, localizada em Paulista, na Região Metropolitana do Recife. A próxima ação envolvendo o tema acontece na quinta-feira (28.03), às 10h, no internamento do 5º andar do hospital. 

A atividade é uma parceria entre o Serviço Social e a Clínica Médica do HMA, e já teve seu primeiro momento na última segunda-feira (18.03), com uma palestra ministrada pela médica Poliana Silvestre Cordeiro, no Ambulatório do HMA. A especialista tratou das formas de contágio, da prevenção e do tratamento à doença, que atinge cerca de 10 milhões de pessoas no mundo.

O último boletim da Secretaria Estadual de Saúde aponta que, no ano passado, em Pernambuco, 5.026 casos da doença foram confirmados, representando um aumento de 9% em relação aos dados de 2015, quando 4.599 casos foram registrados. Para o coordenador de Clínica Médica do HMA, Fábio Queiroga, o aumento pode se dá ao fato da população estar mais consciente do problema e ter acesso mais facilitado ao sistema de saúde, ampliando, assim, o número de registros. “É fundamental que as pessoas estejam atentas aos sintomas. Tosse há mais de três semanas, febre no fim da tarde e perda de peso são sinais de alerta para a doença, e o paciente deve procurar imediatamente a atenção básica de saúde para realizar o diagnóstico precoce, que é primordial para o tratamento da tuberculose”, destacou.