O Hospital Mestre Vitalino (HMV) passa a oferecer, a partir desta terça-feira (11), o atendimento especializado em gastropediatria. Por semana, serão 20 consultas realizadas sempre as terças-feiras, mesmo dia dos demais atendimentos ambulatoriais para as crianças com Síndrome Congênita do Zika/Microcefalia.   
 
“A Secretaria Estadual de Saúde identificou esta demanda, e como o HMV é referenciado para o atendimento de crianças com microcefalia, estamos ofertando estas consultas inicialmente para atender a demanda reprimida desses pacientes, e depois para as demais crianças”, explicou o diretor do Hospital Mestre Vitalino, Dr. Marcelo Cavalcanti.
 
Todas as consultas serão reguladas por meio da Central de Regulação da IV Geres, que recebe as solicitações das secretarias de saúde dos municípios que estão em sua área de abrangência. No caso em que as crianças forem atendidas por um neuropediatra da própria unidade e for identificada a necessidade da consulta com o gastroenterologista, esse encaminhamento será feito internamente.
 
Hoje, o Mestre Vitalino é referência para os moradores dos 32 municípios que compõem a IV Gerência Regional de Saúde e acompanha, atualmente, um total de 67 crianças com a Síndrome Congênita do Zika.