Neste mês de agosto, a médica Thaís Almeida assumiu a direção do Hospital Getúlio Vargas (HGV), localizado no bairro do Cordeiro, no Recife.  Formada pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), a gestora tem residência em clínica médica e gastroenterologia (HC), além de título de especialista em gastroenterologia pela Federação Brasileira. Ela também fez mestrado no Centro de Ciências Médicas da UFPE. Na rede pública, atendia no ambulatório da Policlínica Agamenon Magalhães, no Recife e na preceptoria da residência médica do Hospital Santo Amaro da Santa Casa de Misericórdia.

Thaís Almeida é servidora concursada do Estado desde 2006. Desde o início, ela esteve lotada no Hospital Getúlio Vargas, onde já passou por diversas funções. Inicialmente, atuava como plantonista de clínica médica na emergência, fazendo parte, posteriormente, da equipe de coordenação da área. Ela também gerenciou o Núcleo da Qualidade Hospitalar, a Gerência de Risco e o Núcleo de Segurança do Paciente. Em 2017, assumiu a direção médica.

"Inicio mais uma fase nesses 14 anos de trabalho no HGV. O grande desafio neste momento é gerir um hospital público de alta complexidade, predominantemente cirúrgico, no período de pandemia, sempre buscando ajustar as atividades e qualificando nossos servidores para prestar uma assistência humanizada dentro desta nova realidade", afirma Thaís.

O Hospital Getúlio Vargas é referência em especialidades como traumato-ortopedia, cirurgia vascular, cirurgia geral, urologia, clínica médica, bucomaxilofacial, entre outras. A unidade ainda é hospital de ensino e possui emergência regulada pela central de leitos, atendimento ambulatorial e internamento eletivo.