Utilizar o pré-natal como porta de entrada dos homens na rede de assistência à saúde. Esse é o mote do Guia do Pré-natal do Parceiro, que foi tema de palestra no auditório da I Gerência Regional de Saúde (Geres), com sede em Recife. O evento, que contou com a presença do coordenador nacional de Saúde do Homem e do Idoso do Ministério da Saúde, Aírton Sampaio, foi realizado nesta quinta-feira (16/02), e reuniu os gestores de Atenção Primária dos 20 municípios que compõem a Regional, por meio de videoconferência.

“Nosso intuito foi alertar estes profissionais sobre a importância de atrair os pais para este momento tão importante, que é o pré-natal. E, a partir de então, tentar aproximar esse parceiro dos serviços da atenção primária”, explica a gerente de Saúde do Homem e do Idoso da Secretaria Estadual de Saúde (SES), Valéria Pastor.  “É uma forma de contornar a resistência masculina em relação aos cuidados com a saúde, principalmente no que diz respeito à realização de testes rápidos para HIV e sífilis, por exemplo, e outros exames necessários”, diz.

Fruto de uma parceria da SES, com a Coordenação da Saúde do Homem da I Geres e o MS, a oficina contou ainda com a presença de alguns profissionais da Saúde do Homem e do Idoso e Agentes Comunitários de Saúde da Regional.

Além do Guia do Pré-natal do Parceiro as coordenações de Saúde do Homem e do Idoso também trabalham com o Guia de Saúde do Homem para Agentes Comunitários. “Esse tem uma abordagem mais ampla e orienta os profissionais sobre como atrair o público masculino para os serviços da Atenção Básica”, conclui.

Os profissionais interessados em conhecer o debate, podem acessar os guias, que estão anexados abaixo: