Vigilância de Riscos Ambientais

Prevenção e Controle das Hepatites Virais

A principal atribuição da Coordenação Estadual de Controle das Hepatites Virais é coordenar e executar atividades para prevenção, diagnóstico e tratamento dos casos. As atividades são desenvolvidas com diversos setores da Secretaria Estadual de Saúde (SES) e coordenações municipais, em consonância com os princípios do SUS, assim como entidades da sociedade civil organizada que trabalham com esses agravos.

 

Programa Estadual de Infecções Sexualmente Transmissíveis

O controle das infecções sexualmente transmissíveis (IST), das hepatites virais, do vírus HIV e da Aids é a principal atribuição do Programa Estadual de Infecções Sexualmente Transmissíveis/Aids, que coordena e executa atividades para prevenção, diagnóstico e tratamento dos casos.

Notifique Aqui

Os riscos para a saúde pública descritos na Lista Estadual de Doenças de Notificação Imediata – do anexo II da Portaria Estadual nº 104 de 17 de fevereiro de 2012, devem obrigatoriamente ser notificados no prazo de 24h ao Cievs/PE para o desenvolvimento de uma resposta coordenada e oportuna com entendimento compartilhado da situação entre os diversos setores.

Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (Cievs/PE)

O Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (Cievs-PE) foi instituído pela Portaria nº 493, em 6 de julho de 2009. É uma unidade componente da Rede Nacional de Monitoramento e Respostas às Emergências em Saúde Pública, que tem por objetivos a articulação de informações entre os diversos setores da saúde pública para uma maior agilidade na redução de riscos em emergências em saúde pública como desastres, epidemias ou ainda no monitoramento contínuo das Doenças de Notificação Compulsória Imediata.

Vigilância do óbito/Serviço de Verificação de Óbito (SVO)

Vigilância do óbito

A vigilância do óbito, regulamentada pelas portarias do Ministério da Saúde Nº 72/2010 e 1119/2008, é uma das estratégias fundamentais para redução da mortalidade fetal, infantil e materna, pois envolve ações de notificação, investigação, análise da evitabilidade, identificação dos determinantes e recomendações que visam nortear as ações e políticas de saúde materno-infantil. Faz parte das ações da Gerência de Monitoramento e Vigilância de Eventos Vitais.

Varicela/Herpes Zoster

Páginas

Subscrever RSS - Secretaria-Executiva de Vigilância em Saúde