O coordenador nacional de Saúde Mental do Ministério da Saúde (MS), Pedro Gabriel Delgado, esteve em Pernambuco, nesta terça-feira (21/12), para discutir a última etapa do descredenciamento do Hospital Psiquiátrico José Alberto Maia, em Camaragibe. Durante todo o dia, o coordenador esteve reunido com a Gerência de Atenção à Saúde Mental da Secretaria Estadual de Saúde (SES), além de gestores de Camaragibe e de outros municípios da Região Metropolitana do Recife (RMR).

Pela manhã, na Prefeitura de Camaragibe, Delgado se reuniu com o prefeito João Lemos, a secretária municipal de Saúde, Samara Ricarda, e o secretário estadual de Saúde, Frederico Amancio. Eles discutiram sobre o andamento do trabalho de descredenciamento do Hospital Alberto Maia, além das diretrizes nacionais da reforma psiquiátrica que estão sendo cumpridas em Pernambuco. "Pelo que vi, posso avaliar como positivo o andamento dos trabalhos juntos ao Alberto Maia. Esse é um marco para a história da reforma psiquiátrica em Pernambuco e no Brasil!, comentou Delgado.

Ainda na reunião, foi definido que, até o dia 29 de dezembro, o Hospital Alberto Maia estará descredenciado do SUS. Até o momento, 471 pacientes já foram transferidos para residências terapêuticas e centros de desinstitucionalização ou foram reinseridos no convívio familiar. "Essa ffoi a primeira etapa do processo. Agora, temos que focar nas próximas, que é dar acompanhamento a esses pacientes e familiares. São cerca de 800 pessoas que vamos estar dando todo o apoio necessário", completou.