Propor, coordenar e desenvolver a Política de Regionalização, Monitoramento, Controle e Avaliação da Gestão do SUS/PE em conjunto com as demais áreas da SES é a missão da Secretaria-Executiva de Regulação em Saúde (Sers). A pasta regula o fluxo entre necessidade, demanda e oferta das ações e serviços de saúde. Outra função é subsidiar os processos de elaboração, implantação e implementação de normas, instrumentos e métodos necessários ao fortalecimento da função regulatória na gestão do SUS/PE. Dentro das atribuições desta secretaria, ainda estão promover e acompanhar os processos de municipalização das ações e serviços de saúde; e apoiar os processos de acompanhamento dos pactos firmados entre a esfera estadual com os municípios, no âmbito da saúde.
 
A secretaria-executiva realiza auditoria e fiscalização no âmbito do SUS/PE e coordena a implantação dos componentes municipais do Sistema de Auditoria do SUS/PE; propõe e promove intercâmbio com outros subsistemas de informações setoriais, aperfeiçoando permanentemente a produção de dados e a democratização das informações.
 
Um desafio importante da SERS é o aperfeiçoamento da regulação do acesso dos usuários aos serviços de saúde. Para isso, buscam-se tecnologias que facilitem a procura na rede do serviço que possa garantir a melhor qualidade de assistência, no tempo adequado à necessidade do paciente e com o menor custo possível. Com isso, a pasta cumpre com as prerrogativas dentro dos principais instrumentos de planejamento regional: Plano Diretor de Regionalização (PDR), Plano Diretor de Investimentos (PDI), Planos Regionais de Saúde e Programação Pactuada e Integrada (PPI).
 
Secretaria-Executiva de Regulação em Saúde
Secretária-executiva: Andreza Barkokebas
Telefone: (81) 3184.0407