À Secretaria Executiva de Atenção à Saúde (Seas), cabe planejar, coordenar e articular as ações e serviços na área de atenção à saúde da Rede Estadual. Coordenar o processo de organização dos hospitais de grande e menor porte, das Gerências Regionais de Saúde (Geres) e dos serviços de saúde é outra atribuição. A função desta equipe é proporcionar a universalização do atendimento, segundo os princípios da integralidade, equidade e hierarquização dos serviços prestados a população, além de acompanhar e avaliar o desenvolvimento do modelo assistencial de saúde adotado pelo Estado na rede.
 
Sob a coordenação da Seas, estão os órgãos e serviços que caracterizam o SUS, por estarem na ponta da prestação de serviço à população: as grandes emergências da RMR, os hospitais metropolitanos, assistência farmacêutica, saúde mental. Destaque ainda para a promoção de diversos programas de apoio à Atenção Primária, como imunização, saúde bucal, do idoso, do trabalhador, do deficiente, da mulher e da criança e do adolescente.
 
No gerenciamento de uma rede tão ampla e complexa de serviços, essa secretaria executiva atua na definição do perfil dos hospitais, seu fluxo de atendimento, otimização da rede e ampliação da assistência, ao mesmo passo em que promove os hábitos saudáveis e a oferta de exames, consultas e campanhas educativas.
 
Secretaria Executiva de Atenção à Saúde
Secretária executiva: Cristina Mota
Telefone: (81) 3184.0521
 
 
DIRETORIA GERAL DE ASSISTÊNCIA INTEGRAL À SAÚDE
 
Responsável pela implantação da política de assistência à saúde em Pernambuco, a Diretoria Geral de Assistência Integral à Saúde coordena os programas e serviços de saúde de todo o Estado. Responde pelo gerenciamento dos seis grandes hospitais de Pernambuco: Hospital da Restauração (HR), Hospital Agamenon Magalhães (HAM), Hospital Otávio de Freitas (HOF), Hospital Barão de Lucena (HBL), Hospital Getúlio Vargas (HGV) e Hospital Regional do Agreste (HRA).
 
Também é responsável pela coordenação de políticas especializadas, como Oncologia, Nefrologia, Terapia Intensiva, Neurologia, Cardiologia e Urgência e Emergência, incluindo o Samu.
 
Nos hospitais, a Diretoria Geral de Assistência à Saúde também coordena o Programa Estadual de Humanização, responsável, entre outras ações, pela implantação do Acolhimento com Classificação de Risco nas unidades da rede estadual.
 
Diretora geral de Assistência Integral à SaúdeGiselle Fonseca
Telefone: (81) 3184.0526
 
 
DIRETORIA GERAL DE ASSISTÊNCIA REGIONAL
 
É responsável pelo desenvolvimento regional da atenção hospitalar em Pernambuco, contribuindo para descentralizar as ações de assistência à saúde para todo o Estado. Responde pelo gerenciamento de 18 unidades de saúde, sendo hospitais regionais, gerais, especializados, psiquiátricos e os voltados para doenças infecto-contagiosas.
 
Também é responsável pelo acompanhamento das ações de atenção à saúde no âmbito regional, monitorando o processo de trabalho das unidades regionais de saúde, por meio dos indicadores assistenciais, administrativos e financeiros.
 
Diretora geral de Assistência Regional: Carol Lemos
Telefone: (81) 3184.0527
 
 
DIRETORIA GERAL DE MODERNIZAÇÃO E MONITORAMENTO DA ASSISTÊNCIA À SAÚDE
 
É responsável pela formulação, coordenação e implementação das ações de modernização administrativa e de tecnologias de gestão na assistência à saúde, orientando a implantação das ações de modernização nas unidades públicas e promovendo a disseminação de novas práticas de gestão, com foco no resultado. Acompanha e avalia os indicadores de assistência à saúde.
 
Responde também pela implantação e monitoramento dos novos modelos de gestão da rede estadual de assistência à saúde, como as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), Unidades Pernambucanas de Atendimento Especializado (UPAEs) e os hospitais metropolitanos, respondendo por todas as questões de convênios com as Organizações Sociais (OSs) que administram as unidades e licenciamento das mesmas junto ao Ministério da Saúde (MS). Além disso, a diretoria ainda monitora os hospitais regionais sob gestão de OSs.
 
Diretora geral de Modernização e Monitoramento da Assistência à Saúde: Flávia Lira
Telefone: (81) 3184.0553
 
 
DIRETORIA GERAL DE GESTÃO DO CUIDADO E DAS POLÍTICAS ESTRATÉGICAS
 
É responsável pela coordenação das atividades relacionadas ao cuidado e às políticas estratégicas de atenção à saúde da população, como Saúde da Mulher, Saúde do Idoso e do Homem, Saúde da Criança e do Adolescente e Saúde da Pessoa com Deficiência. De forma articulada com outros órgãos do Poder Executivo, desenvolve e monitora as ações do Programa Mãe Coruja, que está presente em 95 municípios pernambucanos.
 
Diretora geral de Gestão do Cuidado e das Políticas Estratégicas: Mayra Ramos
Telefones: (81) 3184.6408 / 3184.6409

Wilma Lessa completa 16 anos

Espaço acolhe vítimas de violência e oferece atendimento necessário

SES e PGE-PE promovem workshop em Petrolina

Evento abordará ações judiciais e assistência farmacêutica

Fórum discute política estadual de Cardiologia

Evento contará com profissionais da Rede Estadual de Saúde

UPAs

O programa foi implantado para preencher a carência de atendimento de emergência de média complexidade no SUS. Hoje, 15 estão em funcionamento

UPAEs

Em 2013, Pernambuco ganhou as primeiras Unidades Pernambucanas de Atenção Especializada (UPAE). Os serviços, que estão levando consultas com médicos especialistas para o interior do Estado, já  foram inauguradas em Garanhuns, Petrolina, Caruaru, Serra Talhada, Afogados da Ingazeira, Salgueiro, Arcoverde, Limoeiro e Belo Jardim, beneficiando os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) desses municípios e das cidades vizinhas.

Hemope realiza ação de coleta externa no Plaza Casa Forte

Ação acontece começa nesta quinta e vai até o próximo sábado (03.10), no piso L3

Bancos de Leite alertam para os baixos estoques

Alimento é essencial para os bebês prematuros

OPO encerra programação do Setembro Verde e reforça importância da doação de órgãos

A Organização de Procura de Órgãos (OPO)  do Hospital Dom Malan, em Petrolina, encerrou, no último sábado (25.09), a programação alusiva ao Setembro Verde, campanha que busca promover a conscientização sobre a doação de órgãos. Este ano, os eventos foram todos on-line, com lives e aulas pelo zoom com os temas: Impactos da pandemia no processo de doação e transplante de órgãos; O impacto do trabalho da OPO no processo de doação e transplante: Observações de um cirurgião; Doação e Gratidão: Relatos de Experiência de uma Enfermeira da CIHDOTT.

IX Sipat do Hospital Dom Malan é concluída com sucesso

Saúde mental e da mulher foram temas abordados nesta edição

Voluntariado do Hospital Dom Malan completa 10 anos

Assistência às mães e aos bebês continua ocorrendo

Páginas

Subscrever RSS - Secretaria Executiva de Atenção à Saúde